Escola Secundária João de Barros, Corroios

Available actions

Reader available actions

 

Escola Secundária João de Barros, Corroios

Description details

Record not reviewed.

Document not available to perform requests.

Description level

Fonds   Fonds

Reference code

PT/MESG/RAE/ESJB

Descriptive dates

1986-[s.m.]-[s.d.] / 2010-[s.m.]-[s.d.]

Dimension and support

146,955 m.l.; papel

Holding entity

Secretaria-Geral do Ministério da Educação e da Ciência

Producer

Portugal, Ministério da Educação, Direção Regional da Educação de Lisboa e Vale do Tejo, Escola Secundária João de Barros.

Biography or history

"A Escola Secundária João de Barros fica situada na freguesia de Corroios, concelho do Seixal, mais propriamente no extremo norte deste concelho e junto ao extremo sul do concelho de Almada. Tendo sido criada em Novembro de 1986, denominada então como Escola Secundária de Corroios n.º 1, nos primeiros anos da sua existência oferecia apenas o 3.º Ciclo do Ensino Básico, por decisão da Direção Regional de Educação de Lisboa.As instalações atuais são constituídas por cinco blocos de dois andares (um deles construído só em 1994/95, já que inicialmente a Escola foi construída apenas com quatro blocos), um refeitório, dois campos de jogos e respetivos balneários e um anexo para arrumação do material de canoagem. O último bloco a ser construído está equipado com estruturas laboratoriais e por isso vocacionado para as áreas de Ciências Naturais e Ciências Físico-Químicas. A Escola não dispõe de pavilhão desportivo embora disponha de um espaço reservado para esse efeito.Os espaços interiores não cobertos estão muito bem tratados, com zonas ajardinadas de grande agradabilidade e ornamentados com alguns testemunhos históricos do passado nacional provenientes nomeadamente de conventos de várias localidades, tudo conseguido ao longo dos anos com o contributo de toda a comunidade educativa.Apesar dos seus vinte anos, as instalações apresentam-se em razoável estado de conservação, com exceção das redes elétricas e de gás que necessitam de obras de manutenção.A Escola encontra-se inserida num meio social de classe média, sendo a população discente oriunda essencialmente de famílias ligadas aos serviços cuja formação académica corresponde, maioritariamente, ao 3º ciclo ou níveis superiores. Estas características levam a que as expectativas da maioria das famílias e dos alunos, quanto ao seu percurso académico, sejam a de prosseguimento de estudos de nível superior, embora haja também, em menor número, alunos mais inclinados para a integração rápida no mercado de trabalho.Em 1986 é criada pela Portaria nº 55-C/86, de 12 de Fevereiro, a Escola Secundária que iria funcionar nuns terrenos adquiridos pelo Ministério da Educação pertencentes a uma das quintas da freguesia de Corroios - a Quinta da Água.A construção iniciou-se pouco depois, tendo aparecido no concurso de professores para o Ano Letivo de 1986/1987 com a denominação de Escola Secundária de Corroios Nº 1, código 490.Os trabalhos administrativos e de gestão do arranque desse 1º ano estiveram a cargo de uma comissão instaladora convidada pelo Ministério da Educação e presidida pelo Prof. Manuel Garcia da Costa, que escolheu, por seu lado a equipa de arranque. Foi colocada, posteriormente, como primeira Chefe dos Serviços Administrativos, a Sr.ª D. Graça Nobre.A preparação das atividades administrativas e pedagógicas teve lugar na então Escola Secundária de Corroios nº 2 (Moinho de Maré), sendo aí que realizaram as primeiras reuniões dos grupos disciplinares para planificação do 1º Ano Letivo da escola que viria a iniciar-se no dia 28 de Novembro de 1986, a data do nascimento pedagógico efetivo da escola, isto é, o dia do primeiro contacto com os seus principais destinatários - os alunos.Em Maio de 1988 é eleito democraticamente o primeiro Conselho Diretivo presidido pelo Prof. Manuel Porfírio que se manteria em funções nos mandatos seguintes até 1995/96. É nesse ano lectivo de 1988 que inicia o funcionamento do refeitório, serviço essencial para uma população escolar oriunda principalmente das freguesias de Amora, Seixal e Sesimbra.Na fase de construção e consolidação do seu primeiro projeto pedagógico, consubstanciado nos planos anuais de atividades, deu-se uma ênfase especial às atividades ligadas ao meio e aos Clubes pedagógicos que proporcionam uma dinâmica nova à escola. De salientar os primeiros a aparecer: Canoagem, Serigrafia, Teatro, Fotografia, Defesa do Património, Ciência, Aeromodelismo, GISAN, Línguas e Matemática.De salientar, igualmente e como preocupação inicial, a plantação das árvores que constituem hoje um espaço verde de grande importância e mais valorizado se atendermos à localização geográfica da escola situada entre vias comunicação, serviços de abastecimento de combustível e alimentares. Esta preocupação com o ambiente ficou a dever-se ao Clube GISAN e ao Prof. Manuel Lima que proporcionaram, num trabalho pedagógico desenvolvido com os alunos, a plantação de parte significativa das árvores que se encontram no espaço interior da Escola. Em 10 de Janeiro de 1995, por Despacho de Subsecretário de Estado Adjunto da Ministra da Educação, a escola passa a denominar-se Escola Secundária João de Barros, Corroios, Seixal.O do nome do patrono - João de Barros -, surge por proposta do Conselho Diretivo de então e obteve os pareceres concordantes do Conselho Pedagógico, da Associação de Pais e da Câmara Municipal do Seixal.Com a implementação de um novo modelo de Gestão e Administração em 1998, foi eleita a primeira Assembleia de Escola que foi presidida pela professora Maria de Jesus Bernardo.A História Geral da Escola será feita a seu tempo, porque ao longo de vinte anos de atividade foram dezenas as iniciativas que se desenvolveram e foram dezenas os professores e funcionários que por aqui passaram acompanhando milhares de alunos.O Patrono - João de BarrosJoão de Barros foi professor, estadista e pedagogo republicano, tendo-se destacado como uma figura ilustre da cultura e do ensino em Portugal. Nasceu em 1881, na Figueira da Foz e a sua obra de renovador do ensino decorre do período conturbado da 1ª República, com propostas de organização e renovação do sistema de ensino ainda hoje aplicáveis.Deixou uma obra influente no âmbito da literatura pedagógica e promoveu o conhecimento e a leitura dos autores clássicos patrocinando edições acessíveis que ainda hoje se publicam.Morreu em Lisboa em 1960."

Acquisition information

Incorporou a documentação da Escola Secundária Moinho de Maré de Corroios.

Scope and content

O fundo da Escola Secundária de João de Barros é constituído por 31 séries documentais pertencentes às secções: Administração e Gestão; Funcionamento Geral; Recursos Humanos; Recursos Financeiros; Ação Social Escolar; Atividade Científico-Pedagógica; Pessoal Discente; Complemento e enriquecimento curricular.

Arrangement

A organização das séries documentais inventariadas segue a estrutura adotada pela Portaria de Gestão de Documentos n.º 1310/2005, de 21 de Dezembro.

Access restrictions

Documentação sujeita a autorização para consulta.

Language of the material

Portuguêstuguês

Physical characteristics and technical requirements

Bom estado de conservação

Other finding aid

Inventário em folha de Excel.

Location

Arquivo em fase de instalação definitiva.

Related material

"Relatórios de actividades escolares dos reitores dos liceus"."Relatórios de actividades dos professores".

Publication notes

MOGARRO, Maria João - Arquivos e Educação: a construção da memória educativa. In Sísifo: Revista de Ciências da Educação. Lisboa. N.º 1 (Set./Dez. 2006). P. 71-82.

Holding entities of associated archival units

Portugal. Ministério da Educação. Secretaria-Geral. Direção de Serviços de Documentação e de Arquivo

Notes

A descrição do fundo realizada tem por base o inventário parcial realizado no âmbito do projeto BAME (Bibliotecas, Arquivos e Museus da Educação).